• Criminal

Oficinas Regionais de Aperfeiçoamento em Investigação

Oficinas regionais em londrinaQuais são os critérios que devem pautar uma negociação?

É possível estabelecer uma rotina para investigações patrimoniais?

A convite do Grupo de Estudos "Promotor Santa Rita”, o CAOP Criminal organizou uma nova Oficina de Aperfeiçoamento em Investigação, na Sede do MPPR em Londrina/PR, no dia 08 de novembro (sexta-feira), com o tema "Investigação Patrimonial e Articulação Institucional”. Adotando um formato essencialmente prático, na ocasião discutiram-se temas relacionados às técnicas de negociação, empresas de fachada, planejamento investigatório patrimonial, técnicas de hacking e criptografia, inclusive, com exemplos de dinâmicas na investigação patrimonial e articulação entre unidades.

O encontro coincidiu com a 6ª reunião do Grupo de Pesquisa em Atuação Criminal, buscando por isto fixar aspectos a serem considerados no processo de revisão do planejamento institucional na área criminal. 

Participantes: Membros do MPPR (Resolução 7020/2019-PGJ/MPPR)
Data: 08 de novembro de 2019 (sexta-feira)
Horário: das 9h30 às 18h
Local: Sede do Ministério Público do Estado do Paraná em Londrina

evento londrina 2

evento londrina 5

evento londrina 6

evento londrina 4

evento londrina 1

evento londrina 3

evento londrina 9

evento londrina 7

evento londrina

 

Programação

1° Bloco: Estudo de Situação-Problema (09h30 às 12h30min)

Parâmetros no uso de Técnicas Especiais e na Investigação Patrimonial

Alexey Choi Caruncho | Alexandre Ramalho de Farias (CAOP Criminal-GAESP) | André Tiago Pasternak Glitz (ex integrante do CAOP Criminal-GAESP) | Gustavo Eloi Razera (1ª Promotoria de Capanema/PR)

I - Breves esclarecimentos introdutórios

II - Oficina: Situação-problema, com foco prático nos seguintes temas:

  • Técnicas especiais e refinamento na atuação:
    •  Técnicas de negociação
    •  Tipologias no uso de empresas de fachada
  • Planejamento da investigação patrimonial:
    • Perfil econômico-financeiro e fluxo organizacional
    • Tutela cautelar de ativos e perdimento de bens
    • Roteiro de investigação de crimes contra a administração pública a partir da persecução patrimonial
  • Segurança da informação e reflexos na atividade investigativa:
    • Criptografia, técnicas de hacking e métodos alternativos de investigação

2° Bloco: Estudo de Casos de Articulação Institucional (14h às 18h)

Alexey Choi Caruncho | Alexandre Ramalho de Farias (CAOP Criminal) | André Tiago Pasternak Glitz (ex integrante do CAOP Criminal-GAESP) | Gustavo Eloi Razera (1ª Promotoria de Capanema/PR) | Leandra Flores (GEPATRIA Guarapuava) | Leandro Antunes Meirelles Machado (GAECO Londrina) | Pedro Henrique Brazao Papaiz (GAECO Guarapuava) | Renato de Lima Castro (GEPATRIA Londrina)

I – Questões introdutórias:

  •  Articulação entre unidades em prol da investigação
  •  Parâmetros e dificuldades

II – Estudo de caso I: GAECO/GEPATRIA Guarapuava

  •  Breve apresentação do caso
  •  Discussões e debates com foco:
    •  na dinâmica da investigação patrimonial
    • na articulação entre a unidade especializada e a Promotoria

III – Estudo de caso II: GAECO Londrina

  •  Breve apresentação do caso
  •  Discussões e debates com foco:
    •  na dinâmica da investigação patrimonial
    •  na articulação entre a unidade especializada e a Promotoria

IV – Estudo de caso III: GEPATRIA Londrina

  • Breve apresentação doc aso
  • Discussões e debates com foco:
    •  na dinâmica da investigação patrimonial
    • na articulação entre a unidade especializada e a Promotoria

Encaminhamentos finais e Lançamento de subsídios (15min)

Condução: Equipe CAOP Criminal

 

Gravação e Material de Apoio

 

  • Material de Apoio (Material restrito à Membros do MPPR em razão da sensibilidade de seu conteúdo)

Gravação do evento:

Apresentação utilizada:

 

Recomendar esta página via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem